Como preparar um ficheiro para impressão - Minerva
Preparar um ficheiro para impressão

Preparar um ficheiro para impressão pode ser fácil e rápido, se souber que elementos deve considerar. Consulte a nossa check-list e tenha resultados perfeitos!

 

Se está a dar os primeiros passos em design gráfico, certamente que preparar um ficheiro para impressão é um dos aspetos mais preocupantes do seu trabalho.

Sem dúvida que o seu layout será de alta qualidade e muito criativo, mas isso de pouco valerá se o resultado impresso for menos que perfeito. E, infelizmente, não existe “ctrl-z” quando recebe o seu trabalho final.

Acresce ainda o facto de que este aspeto não é muito aprofundado no ensino superior, o que faz com que se possa sentir menos confiante.

Mas estamos aqui para ajudar! Consulte a nossa check-list sobre os pontos principais a que deve dar atenção; no final, damos também algumas indicações de como deve pedir um orçamento.

 

CHECK-LIST

Preparar um ficheiro para impressão - Check-list

1. A página deverá ter o tamanho a ser impresso.

2. O documento deve conter uma margem adicional (bleed) de 2mm a toda a volta, preenchida com a cor de fundo ou imagem (se existir).

3. Em caso de impressão no verso, esta deverá estar numa outra página do PDF (não montar o plano), com as mesmas regras.

4. O trabalho pode ser a cores (Quadricromia ou Pantones) ou preto e branco.

5. Se pretender usar cores diretas, estas devem vir em spot.

6. Para imprimir em quadricromia, todas as cores devem estar em process (CMYK). Na existência de uma cor spot ou direta, esta é considerada como cor extra (impressão a 5 ou mais cores, conforme o número de cores diretas).

7. Certifique-se que as imagens estão em formato Grayscale ou CMYK, consoante o trabalho seja em uma ou mais cores, e não em RGB.

8. O texto não deverá ser convertido para curvas (paths ou outlines), para a eventualidade de ser necessário editar o texto. Para preservar as fontes, estas devem ser enviadas juntamente com o ficheiro.

9. O PDF deve ser criado em alta resolução, sem compressão de imagens. As imagens deverão ter uma resolução mínima de 300 dpi.

10. Na existência de verniz localizado ou cortante, deverá incluir uma página com a forma do cortante e/ou zona de aplicação do verniz.

11. O PDF deve ser criado, de preferência, com compatibilidade para a versão PDF 5.0.

12. O PDF deve ser verificado após sua realização.

 

INDICAÇÕES PARA PEDIDOS DE ORÇAMENTO

1. Orçamento para Impressão Offset

O seu pedido de orçamento deve incluir o seguinte:

– Quantidade.

– As dimensões finais do trabalho.

– As cores: Quadricromia (CMYK) e/ou Cores Pantone (Cores Diretas; neste último caso, indicar o número de cores).

– O tipo de papel (Couché, IOR, CLA, Fine Papers, etc.).

– Indicar se a impressão vai ser frente ou frente e verso.

– Quando aplicável, indicar o acabamento: Agrafado, Colado, Argolado, Dobrado, Picotado, Furado, Estampado, Plastificado (Mate ou Brilho), Verniz UV, Impressão com Aroma, utilização de Cortante, Foil, etc.

– Prazo de entrega desejado.

 

2. Orçamento para Impressão Digital

O seu pedido de orçamento deve incluir o seguinte:

– Quantidade.

– As dimensões finais do trabalho.

– A partir de 48 x 33 cm, será impresso numa plotter para grandes formatos (até 1,60 m de largura).

– Indicar se a impressão vai ser apenas frente, ou frente e verso.

– Indicar o tipo de papel (Couché, IOR, CLA, Colotech, Fine Papers, etc.).

– Prazo de entrega desejado.

 

3. Orçamento para Impressão Digital em Grande Formato

O seu pedido de orçamento deve incluir o seguinte:

– Quantidade.

– As dimensões finais do trabalho. Note que a nossa máquina imprime até 1,60m de largura; no entanto, o trabalho pode ser montado em partes, possibilitando tamanho maiores.

– Indicar o tipo de papel/material: Papel (Mate/Brilho/Fotográfico), Vinil (Mate/Brilho), Backlit, Lona, Tela, etc.

– Prazo de entrega desejado.

 

4. Orçamento para Vinil Recortado

O seu pedido de orçamento deve incluir o seguinte:

– Quantidade.

– Cores.

– O número de cores a serem recortadas.

– Tamanho final.

– Indicar o tipo de vinil (brilhante, mate, fluorescente, refletor, etc.).

– Recorte normal ou em espelho (o recorte em espelho poderá ser necessário, por exemplo, para aplicar na parte de trás de um vidro).

– Prazo de entrega desejado.

 

Tenha sempre presente estas orientações, e sinta-se confiante de que os seus trabalhos vão estar tão fantásticos no papel como estão no monitor!

Alguma dúvida? Não hesite em nos contactar. Estamos à distância de um telefonema ou de um clique 😉

Se gostou deste artigo e quiser receber comodamente e em primeira mão os nossos conteúdos, subscreva a nossa newsletter. A inscrição é gratuita!

AUTHOR: Minerva

Somos mais que uma empresa de artes gráficas. Damos resposta a todas as necessidades de comunicação da sua empresa. E adoramos o nosso trabalho!

Sem comentários

Deixe um comentário ;)

O seu endereço de email não será publicado

Subscribe!